“O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me ungiu para pregar boas novas aos pobres. Ele me enviou para proclamar liberdade aos presos e recuperação da vista aos cegos, para libertar os oprimidos e proclamar o ano da graça do Senhor.” (Lucas 4. 18).

Desta forma, Jesus deixou claro o início de um novo tempo, o tempo de Seu “reinado sem fim”. Esse reinado, segundo o próprio Jesus, seria um reinado de proclamação de boas novas de justiça, de perdão e libertação, de restauração e recomeço, enfim o reinado de Deus age na direção da humanidade movido pela sua graça.

Assim, meus queridos irmãos e irmãs, vamos celebrar esta data especial na vida da Igreja, fazendo dela, um marco em nossa história. Não apenas na história da Igreja, mas também em nossa história pessoal como discípulos de Jesus. Um tempo de recomeço, assumindo diante do Senhor o compromisso de vivenciar a realidade do Seu Reino em nossa experiência diária, para, assim, ungidos pelo Espírito Santo, proclamarmos a justiça, o perdão e a libertação, a restauração e o contínuo derramar da graça abundante de Jesus sobre todos aqueles que a ela abrem seus corações e vida.

Sem título-2

Deixe um comentário