Porque Jabez invocou o Deus de Israel, dizendo: Se me abençoares muitíssimo, e meus termos ampliares, e a tua mão for comigo, e fizeres que do mal não seja afligido! E Deus lhe concedeu o que lhe tinha pedido.

1 Crônicas 4:10

Nossa conduta está diretamente ligada a nossas escolhas. A passagem bíblica da oração de Jabez nos mostra isso em três atitudes eficazes e verdadeiras: Primeiro, “Jabez invocou o Deus de Israel e pediu que o abençoasse…” Ele clamou, invocou, pediu. Quando estamos diante de Deus, levamos nossa família a conhecer, apaixonar-se e querer Jesus; quando clamamos por suas bênçãos diariamente, entregamos nossos corações e permitimos que a face  de Cristo resplandeça em nós; trabalhamos nossa conduta exemplar  diante  das situações pelas quais passamos diariamente. Segundo, ele pediu: “…e meus termos ampliares, e a tua mão for comigo,…” deixar Jesus escrever  nossa história. Convidá-lo a colocar suas mãos sobre nossas decisões. Não viver mais o homem, mas deixar que Cristo viva por nós, é experimentar a grandeza do caminhar com Cristo na formação e consolidação de nossas condutas. E, por fim, “…e fizeres que do mal não seja afligido!”. O mal tentará nos afligir de todas as formas, mas o nome de Jesus nos dá poder para repreender todo ele. Ser exemplo de conduta é clamar a Deus para que o mal seja derrotado em todas as circunstâncias e prevaleça sua ação em nossas vidas.

Ao final da Oração, o verso se finda em “…E Deus lhe concedeu o que lhe tinha pedido.” Deus abençoou, proporcionou crescimento, livramentos e escreveu a história do ilustre Jabez. Oremos também a Deus assim para sermos exemplos de conduta e conduzirmos nossos filhos a também o serem na presença de Cristo Jesus.

Deus nos abençoe!

Claudia  Axer  Risperi

Deixe um comentário